Aquarela Rembrandt | Resenha

Tempo de leitura: 4 minutos

Desde que comecei a fazer resenhas de materiais aqui, principalmente sobre aquarelas, nenhuma foi tão pedida por vocês quanto a Aquarela Rembrandt!

Eu já fiz a resenha sobre a aquarela Van Gogh – linha estudante da Talens – caso você ainda não tenha visto, clique aqui e confira!

Depois de muito tempo, acabei encontrando este material por um valor razoável, então, hoje trago a vocês a tão esperada resenha sobre a linha profissional de aquarelas da Talens, a Rembrandt!

aquarela rembrandt
Estojo de 12 cores da Aquarela Rembrandt

Começando pelo estojo, que acredito ser o que tem o design mais bonito entre as aquarelas que possuo. Ele é feito em plástico rígido, com formato arredondado. Por fora é na cor preta, mas por dentro é um tom creme bem clarinho.

O estojo acompanha um pincel redondo de nº 4, assim como no estojo da Van Gogh que apresentei em resenha anterior.

As cores que compõe este set são: amarelo limão permanente, amarelo azo escuro, vermelho permanente escuro, laca de garanza permanente, azul ultramar escuro, azul cerúleo, verde esmeralda, verde permanente, amarelo ocre, terra de siena queimado, sépia e cinza payné.

É uma seleção de cores muito equilibrada, como também é o da Van Gogh, mas com a vantagem de não vir branco!

Acredito que se eu fosse escolher 12 cores avulsas, dificilmente iria fugir destas opções. O que torna este estojo muito atrativo!

As pastilhas da Aquarela Rembrandt são bem pigmentadas, e as cores são bem vivas e profundas. O pigmento solta-se facilmente em contato com pincel úmido e você consegue um alto grau de saturação de forma rápida.

A expansão não é boa, levando-se em conta que se trata de uma aquarela profissional, mas é melhor se comparada à Winsor & Newton.

Aliás, este é um tema bem controverso entre os aquarelistas (ainda mais depois da resenha sobre as aquarelas profissionais da Winsor & Newton): uns julgam fator decisivo e outros não levam em consideração.

Eu, particularmente, julgo ser importante, pois é uma qualidade a mais que me permite explorar. Pode para mim não ser decisiva, pois como aprendi aquarela com as Pentel, fiquei muitos anos pintando sem esta opção. E, mesmo depois que passei para as Cotman, a situação não mudou muito, pois a expansão dessas últimas também deixa muito à desejar…

Desta forma, me adaptei a um estilo de trabalho em que a “famigerada” expansão não fizesse diferença. Mas, com o tempo e a oportunidade de experimentar novas marcas de aquarela, percebi que tintas que fluem melhor em contato com papel úmido, criam padrões mais interessantes e bonitos. Fazendo com que, hoje em dia, eu leve em consideração esta qualidade – principalmente em se tratando de aquarelas de linha profissional.

Vou deixar ao lado da tabela de cores da Rembrandt, as tabelas da Winsor & Newton Profissional e da Van Gogh. Pela imagem fica difícil de comparar, mas, resumidamente falando, tem cores da Winsor que me agradam mais que a da Rembrandt e vice-versa.

Mas comparado às cores da Van Gogh, é nítida a superioridade da Rembrandt: com exceção dos tons terrosos, as demais cores são mais vivas e transparentes.

aquarela rembrandt resenha
Comparação das cores da Aquarela Rembrandt com a Winsor & Newton Profissional e a de linha estudante Van Gogh

Vamos conferir agora na prática como a Aquarela Rembrandt se sai numa pintura definitiva. Para esse trabalho, eu vou utilizar um papel da série “Watercolour” da Hahnemühle, de 300gr, 100% algodão e de textura rugosa.

Eu já havia testado algumas amostras deste papel, mas resolvi comprar um bloco para explorar mais. Vamos ver então como fica?!

aquarela rembrandt é boa
Pintura feita com as Aquarelas Rembrandt

Bom, eu sei que o “Meu Top 10 Aquarelas” já está bem desatualizado, mas se eu fosse ranquear a Rembrandt com base naquela lista, eu a colocaria entre a Van Gogh e a Lukas Studio (acima da Van Gogh e abaixo da Lukas).

Comparando com a Winsor & Newton, em termos gerais, achei a Rembrandt melhor. Mas as duas são bem equivalentes…

Em breve eu vou atualizar a minha lista de aquarelas favoritas, mas pretendo agora separá-las em categoria “estudante” e profissional”. Acho que, desta forma, alguns conceitos ficarão mais claros.

Espero que tenham gostado de mais essa resenha! E se você já utilizou as aquarelas Rembrandt, conte aí nos comentários como foi a sua experiência, ok?!

Eu vou ficando por aqui! Muito obrigado pela companhia, um grande abraço, tudo de melhor sempre e até a próxima!!!

CONHEÇA MEU CURSO DE AQUARELA BOTÂNICA E APRENDA NA PRÁTICA A PINTURA DE FOLHAS, FOLHAGENS E FLORES EM AQUARELA!!!

Confira a resenha na íntegra!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *